Minhas impressões a série da Netflix: 13 reasons why (13 Porquês)

10 abril 2017



Título: 13 Reasons Why, (Os 13 Porquês) Netflix
13 Episódios. -Média de 50 min/Ep.
1 Temp.

No dia 31 de Março de 2017, foi lançada a série 13 Reasons Why, (Os 13 Porquês) na Netflix, baseada no livro de mesmo nome, eu já havia visto o livro e tinha vontade de ler (ainda tenho), mas quando vi a série logo fui assistir. 

Eu já sabia que se tratava de uma adolescente, Hannah Backer (Katherine Langford) que tira a própria vida, e deixa 13 fitas com os porquês de ter feito isso, e cada um deles é direcionado a uma pessoa. 

Os fatos na série passam a se desenrolar quando Clay Jensen (Dylan Minnette) recebe a caixa com as 13 fitas, ele começa a ouvir, porém é tão forte para ele que só consegue ir aos poucos. Cada fita que Hannah gravou é direcionada a uma pessoa e ela conta o porquê dessa pessoa ter levado ela ao cometer o suicídio. 



Clay não conformado vai atrás das pessoas envolvidas, ele quer saber se é verdade o que está ouvindo. Ele parte para o confronto para tentar fazer com que todos envolvidos e todos na escola tenham consciência de seus atos. Clay é um dos motivos, e aí pensamos como ele poderia ser? Ele ama Hannah, ele é um bom garoto, porém, ele não soube como agir e nem como demostrar o que sentia enquanto Hannah estava viva...

Os temas abordados que cercam a adolescência e a vida em si, como bullying, machismo, perseguidores e estupro, são todos muito fortes e são trazidos à tona em cada episódio, deixando a gente chocado e pensando: não quero ser um porquê.

Espero que série possa ajudar muitas e muitas pessoas, acredito que muitos precisam assistir, pais, professores, pessoas que trabalham em escolas, profissionais da saúde, adolescentes. Mas não sei se pessoas sensíveis e já com quadro de depressão deveriam, pois é forte demais e nem todos podem ver como algo para não se fazer. 

Uma das últimas cenas é o acontecimento do suicídio em si e é forte e triste demais, depois a mãe encontra aquela situação...e não dá para segurar as lágrimas. 

Acho que essa é a maior lição da série, Não Seja um Porquê. Mas também, não veja um porquê por aí e fique calado, e principalmente, não deixe esses porquês afetarem sua vida dessa forma. Há muitas pessoas que o amam e que vão te ajudar, vão estar ao seu lado.

Por favor, se você tem algum pensamento negativo, que se vê na situação de Hannah, procure ajuda, converse com alguém, não se entregue. Mande mensagem para mim se quiser, mas não se entregue.

Vocês já assistiam? O que acharam?




Acompanhe nas redes sociais:




9 comentários:

  1. eu ainda to acompanhando a série mas nao venho me agradando da maneira como andam conduzindo tudo... acho que a série tá mais pra um desserviço devido a forma como trata determinadas temáticas,mas enfim... só quando concluir chego a uma opiniaõ completa...

    ResponderExcluir
  2. Oie!
    Que resenha com uma mensagem bana! Parabéns!
    Eu assisti a série e achei ótima e espero que possa fazer muitos jovens refletirem e li o livro embora vlha a pena ser lido, achei a série bem melhor na verdade 100% melhor.
    E tô bem feliz de saber que existem pessoas como vc disponível para ajudar, parabéns de novo!

    ResponderExcluir
  3. Ainda não assisti, mas só pelo fato de ter levantado tanta polêmica já valeu a pena! Alguns falam bem e outros falam mal, mas o importante é que o tema "suicídio" está sendo debatido.

    bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Como eu já tinha lido o livro, em tese era para eu estar preparada psicologicamente para essa série, no entanto não foi bem assim. A série explorou de forma mais ampla os problemas quem já tinha no livro, e foi impactante e muito brutal minha reação a série. Graças que a série está sendo um sucesso, assim nossa sociedade para de tratar assuntos sérios e frequentes como "frescura".

    ResponderExcluir
  5. Oie amore,
    Acho que já comentei por aqui... mas não vale reforçar né!
    Pra ser sincera não curto muito séries não... são raras exceções... normalmente acabo assistindo algumas por indicação e levo uma eternidade pra ver... ai acabo desistindo.
    Não curti a premissa dessa, por isso vou passar a dica!

    Beijokas!

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem? QUERO muito ver a série, pela responsabilidade que ela tem por trás, porém ainda não vi por medo de ter algum gatilho para mim. Ainda tenho que lidar com isso e estou um pouco receosa, mas sei o quanto isso é importante para TODOS se conscientizarem. Adorei o post!
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oie, tudo bem? Eu li o livro esse ano e não gostei muito da escrita do autor e construção de personagem, então não fiquei tão animada quando vi que a série seria lançada... acho que não seria uma boa assistir no momento, então estou deixando para depois, quando me sentir preparada. Adorei o post!
    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Não assisti a série e pra ser bem sincera não tenho vontade de fazer isso... Mas fico feliz que ela esteja passando lições tão importantes, realmente devemos evitar ao máximo ser um desses porquês e não ficar omissos quando vemos um acontecendo. Não teria estômago pra essa cena do suicídio, com certeza deve ser forte mesmo.

    ResponderExcluir
  9. Oi.

    Adorei o post, tenho lido várias opiniões diferentes a respeito da série. No meu caso, eu gostei muito dela. Espero que outras pessoas tenham visto aprendido algo de valor com a série. Que à partir dela, comece a ser debatido mais abertamente o bullying, depressão e o suicídio, que infelizmente ainda é tabu entre a sociedade.

    ResponderExcluir