Resenha Livro: A garota do calendário Janeiro de Audrey Carlan

12 setembro 2017


A garota do calendário Janeiro de Audrey Carlan



Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível — desde que ela não se apaixone por ele.

Livro: A garota do calendário – Janeiro (#01)
Série: A garota do calendário
Autor: Audrey Carlan
Editora: Verus
Páginas: 144
Comprar: Amazon 


Mia Saunders é uma jovem que não teve muita sorte com namorados, mas o último foi o pior deles, se aproximou dela apenas para emprestar dinheiro ao seu pai que é viciado em jogo. Quando o pai de Mia não pagou a dívida ele o deixou em coma na UTI, deixando uma dívida de 1 milhão de dólares, que Mia terá que pagar para salvar sua vida, de sua irmã e do seu pai.


" Você vai ser enviada para onde o homem estiver e ser tudo o que ele precisa durante um mês. Mas eu não vendo sexo. Se você dormir com eles, vai ser uma decisão sua.”

Então Mia se vê sem opção, a não ser aceitar o emprego que sua tia oferece, que é ser acompanhante de luxo na agencia dela. Durante um ano Mia irá passar cada mês com um cliente e receberá 100 mil por mês só para ser acompanhante, mas se rolar sexo ela ganha uma boa grana extra. 

O primeiro cliente de Mia é o Wes, um roteirista de filmes que mora em Malibu e surfista nas horas vagas. Ele é gato, engraçado e inteligente. Mia vai acompanhá-lo a eventos e jantares para que nenhuma interesseira o atrapalhe em seus negócios. O grande desafio para Mia, é não se apaixonar por seu cliente. Ser acompanhante de luxo é um trabalho, e ela leva isso até que bem devido as circunstancias que a levaram até ali.

" Eu morava em Los Angeles havia seis meses e nunca tinha ido a um jantar elegante durante esse tempo. Isso me fez pensar em como minha vida amorosa era triste. Pelo menos com esse trabalho, comecei a experimentar as coisas a vida.”
A garota do calendário Janeiro de Audrey Carlan

Achei a Mia uma personagem forte e decidida, não mede esforços para fazer o precisa ser feito e com a cabeça erguida. Wes é um cara incrível e não tem como não se apaixonar por ele, o que dificulta muito para Mia.

É um livro para ler sem preconceitos e julgamentos. É um romance adulto, como boas cenas de sexo, mas que não foca somente nisso, vejo um crescimento na personagem já nesse primeiro livro. E a leitura é bem agradável e rápida. 


" Parecia um trabalho de verdade, como se eu fosse a assistente pessoal de Wes e não uma prostituta. Tecnicamente eu não era uma prostituta, embora tivesse tido contato sexual com ele no primeiro encontro. Mas isso foi porque eu estava com tesão e ele é muito gostoso.”



Acompanhe nas redes sociais:




Nenhum comentário:

Postar um comentário